Brasília
Moderador de elite
Pontos: 802,410
Nível 31.5
Última atividade:
Selos e prêmios
Comentários: 6678
Reputação: 63,099
Insígnia atual conquistada

Imperatriz
Outras insígnias conquistadas
Especialista em navegação de Internet Mestra dos mares Águia 1 - Dominadora do ar Mestra dos caminhos Aquila Real - Mestra do fogo e do ar Maga dos elementos Primeira ministra Príncesa monarca Rainha
Sobre mim
Servidora pública de carreira, da Administração Federal, militante da área de saúde do trabalhador e relações sociais de gênero. Formação em políticas sociais. Carioca e residente
Recados e mensagens
Beth Muniz
publicidade
Bethcomentou em um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
O presidente Michel Temer assinou neste sábado (21) um decreto que permite descontos de até 60% nas multas ambientais. O valor restante é transformado em investimentos para recuperação de florestas. Ambientalistas temem que a medida possa atender interesses ruralistas.

Segundo Marcelo Cruz, ministro substituto do Meio Ambiente, a expectativa é que o decreto ajude a levantar R$ 4,6 bilhões para a pasta.

O deputado federal Sarney Filho, licenciado do cargo de ministro do Meio Ambiente, esteve em Miranda (MS), junto a Temer para a assinatura do decreto, e explicou as diretrizes de uso dos recursos.

O primeiro edital deve contemplar projetos das bacia dos rios São Francisco e do Paranaíba. O objetivo, segundo ele, é implantar medidas de conservação e recuperação de áreas como as microbacias que alimentam o rio São Francisco.
Bethcomentou em um link
Compartilhado
DécioBeth compartilharam!
O tempo tem sido o senhor da razão, ao menos no caso da ex-presidenta Dilma Rousseff. Bastaram um ano e cinco meses, não mais, para ficarem claros os arranjos e negociatas que alicerçaram um processo de impeachment sem crime de responsabilidade. A mais recente e incontestável prova da tramoia a unir a oposição partidária, Michel Temer, o PMDB e o mercado, urdida sob o aplauso de uma parcela da sociedade e a apatia de outra, foi fornecida pelo doleiro Lúcio Funaro.
Bethcomentou em um link
"Sai o presidente não eleito do Brasil a dizer que vai liderar uma auditoria internacional contra o processo eleitoral. Tem moral o presidente golpista do Brasil para vir auditar o processo eleitoral da Venezuela? Daqui da Venezuela, dizemos: Fora, Temer!", disse Maduro durante a posse do novo governador do estado de Miranda, Héctor Rodríguez.
Bethatualizou o status do tempo
Tempo muito seco, está difícil respirar
Brasília
De acordo com Beth
Beth publicou na galeria
Compartilhado
DécioCidBeth compartilharam!
O QUE O POVO FAZ NAS RUAS PARA SOBREVIVER
Todos sonham com o emprego fixo
Bethcomentou em um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
À esquerda, governador Robinson Faria e primeira-dama Julianne Faria; no topo à direita, prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, e a senadora Fátima Bezerra; embaixo, entre outros, o governador e os secretários de Turismo, Ruy Gaspar (de jaqueta), e de Metas, Vágner Araújo. Desses, com exceção da senadora Fátima Bezerra e do secretário Ruy Gaspar, todos viajaram às custas dos cofres públicos.
publicidade
Bethcomentou em um link
"Após intenso trabalho de tratamento de informações", segundo relatórios, 1,7 milhão de arquivos foram analisados, sobretudo e-mails e planilhas do Drousys, sistema de comunicação usado pela Odebrecht para gerenciar propinas.

Conforme um dos relatórios, de 8 de setembro, a PGR encontrou no Drousys uma planilha chamada "programações semanais-2010", com uma ordem de pagamento de R$ 200 mil para "Fodão" na data de 27 de julho de 2010.

O arquivo foi criado em 2 de janeiro de 2007 e modificado pela última vez em 8 de novembro de 2010, segundo o perito. Outra planilha afirma que o pagamento dos R$ 200 mil foi efetivado em 3 de agosto de 2010 em Porto Alegre.
Bethcomentou em um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Não por acaso, a primeira grande mudança legal depois do golpe foi o desmonte da Consolidação das Leis do Trabalho (CTL). Retrocesso, aliás, que os procuradores, ficais e juízes do trabalho já declaram que não irão aplicar, porque, como já é praxe em normas aprovadas por esse governo, contrariam a Constituição e tratados internacionais.

Depois de quase 30 anos de conquistas da cidadania, essas elites do atraso não conseguiriam impor tamanhos retrocessos pelos meios legítimos – em disputas eleitorais. Advertimos continuamente que foi para impor esse projeto ultraliberal que impetraram o golpe de Estado contra a presidenta legítima Dilma Rousseff.
Bethcomentou em um link
Compartilhado
DécioBeth compartilharam!
O tempo tem sido o senhor da razão, ao menos no caso da ex-presidenta Dilma Rousseff. Bastaram um ano e cinco meses, não mais, para ficarem claros os arranjos e negociatas que alicerçaram um processo de impeachment sem crime de responsabilidade. A mais recente e incontestável prova da tramoia a unir a oposição partidária, Michel Temer, o PMDB e o mercado, urdida sob o aplauso de uma parcela da sociedade e a apatia de outra, foi fornecida pelo doleiro Lúcio Funaro.
Beth publicou na galeria
Compartilhado
DécioCidBeth compartilharam!
O QUE O POVO FAZ NAS RUAS PARA SOBREVIVER
Todos sonham com o emprego fixo
Bethatualizou o status do tempo
Sol forte
Brasília
De acordo com Beth
Bethcomentou em um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
A “doença social” se alastra nas favelas da cidade com velocidade comparável à difusão nos presídios e entre moradores de rua.

A reportagem de Rafael Galdo e Daniel Marenco, no Globo Overseas deste domingo 15/X, mostra que a incidência da tuberculose nas favelas do Rio é maior do que no Congo e em Serra Leoa.

Mas, como diz Jessé Souza, um dos traços da Escravidão é a classe média não sentir a dor do outro.

Porque, como disse o Sociólogo desse colossal Golpe, o Farol de Alexandria, “o pessoal do sopão sempre vai existir”.

E dane-se!

Mais atualizações

1 2 3 4 Próxima »
Aplicativos instalados