Aracaju - SE
Pontos: 22,019
Nível Não atingiu um nível ainda!
Última atividade:
Selos e prêmios
Comentários: 26
Sobre mim
Pastor e escrevinhador em Aracaju
Recados e mensagens
Jabes Nogueira Filho
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
publicidade
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescomentou em um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Muito interessante. Também já li - mas não todo - somente alguns trechos. Acredito que tomos temos algo a contribuir. O intercâmbio e e as trocas mútuas com certeza nos acrescentarão a todos como seres humanos.
Não descreio de nada, sem primeiro investigar mais. Li o Alcorão inteiro, em busca de alguma informação que mostrasse ser a tal Guerra Santa ou Jihad algo prescrito por Maomé e nada encontrei.
O que achei engraçado é Maomé citar Jesus, Maria, José e outros personagens das escrituras, com uma frequência inacreditável e nenhuma palavra em desfavor. Sempre de forma positiva. É uma leitura um pouco maçante e não me acrescentou nada. Mas respeito quem baseie sua vida nessa crença com sinceridade e dedicação.
Jabescomentou em um link
OK querido, sem preconceito. Vou procurar para ler. Obrigado pela sugestão
Faço uma sugestão. Que tal ler, sem preconceito nem prevenção, o Livro de Urantia! Vale a pena para abrir a mente e encontrar o verdadeiro Deus de amor, compaixão e misericórdia, o nosso Criador.
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
publicidade
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescomentou em um link
Com certeza. Mente aberta para o diálogo franco e honesto.
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescomentou em um link
Querido, posso entender sua análise a partir da compreensão evolutiva da percepção teológica: partindo da visão de um Deus sanguinário até ao Deus-Encarnado que é a expressão máxima do amor. Contudo, esta visão fragmentada da divindade, que de um lado vê o Deus que exige reparação mas desconsidera seu amor favorável – o que implica numa fé alienante – ou por outro lado vê o amor destituído de senso de justiça – o que por sua vez implica em uma divindade inconsequente, esta visão fragmentada não coaduna com a totalidade da revelação bíblica. A verdade não um ou outro Deus, nem um apesar do outro: é um e outro necessariamente. Deus é justo porque nos ama e nos ama porque é justo – essa seu sua essência.
É verdade que somos justificados pela fé e por isso temos paz com Deus (Rm 5:1). Mas o perigo desta compreensão isolada da verdade bíblica é reduzir e esvaziar o Calvário – e isso é gravíssimo. A cruz está na base de nossa fé. Não pode haver outro evangelho alem do que prega que Jesus se entregou a si mesmo por nossos pecados (Gl 1:3-9).
E há ainda a compreensão equivocada de que é apenas por nossa fé e nossa firme decisão de fazer a vontade de Deus, mesmo que orientados pelo Espírito, que chegaremos ao Pai. Quem nos abriu o novo e vivo caminho para o Pai foi Jesus pelo sangue do seu corpo (Hb 10:19-20).
Assim, digno de glória é apenas o Cordeiro que foi morto e com seu sangue comprou para si toda gente (Ap 5:9-12).
Não posso acreditar que em pleno século XXI aomda se admita a necessidade de derramamento de sangue para obter o perdão dos pecados cometidos contra Deus. Esse é o Deus ciumento, vingativo, cruel e sanguinário que os primeiros profetas nos apresentaram. Os mais recentes, próximos ao nascimento de Jesus de Nazaré, já o amenizaram e Ele, que veio revelar a verdadeira face do Pai Universal, nos diz claramente. Não é pelo sangue que somos justificados, mas pela fé e a firme decisão de fazer a vontade de Deus. Nem sempre teremos êxito nesse afã, porém nosso empenho, orientados pelo espírito divino residente em nossa mente, podemos encontrar o caminho para a eternidade feliz. Estaremos nos encaminhando para os braços do Criador, cuja morada é o Paraíso.
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!
Jabescompartilhou um link
Compartilhado
Décio compartilhou!

Mais atualizações

1 2 3 4 Próxima »
Aplicativos instalados