Planeta Tatooine
Pontos: 15,035
Nível Não atingiu um nível ainda!
Última atividade:
Comentários: 53
Sobre mim
Recados e mensagens
R. Carvalho
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
R.ViniciusLaísDENNISDulce e mais 2 compartilharam!
publicidade
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
publicidade
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
DENNISViniciusR.DécioFernando e mais 1 compartilhou!
Fernandocomentou em um link
Compartilhado
R.DulceMariaLaís compartilharam!
Moralidade? Aonde? Basta ver as declarações de imposto de renda que ele apresentou ao TSE desde que entrou para a política e o seu patrimônio atual (dele e do rebento que também mama nas tetas do Poder). Populista deveria concorrer a presidente dos limpadores de latrina da Papuda, como é o caso também do ilustre oponente de Bolsonaro, a auto-declarada metamorfose ambulante, também conhecida como "alma viva mais honesta do Brasil". Pobre país. Pobre do povo que tem seu destino na mão de idiotas.
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernando Atualizou o status
Compartilhado
ViniciusDulceR.LaísFernando e mais 1 compartilhou!
No post do último dia 4, eu escrevi que a petralhada estava pressionando o desembargador Victor Laus para pedir vista do processo ou absolver Lula em troca de uma promoção a ministro do STJ ― uma derrota por 2 a 1 no TRF-4 “daria fôlego” ao ex-presidente, que “poderia apresentar mais de um recurso para protelar a condenação definitiva”.

Todavia, O Antagonista apurou que Laus não vai cair no “canto da sereia” ― ou da jararaca. Ex-promotor de Justiça e ex-procurador da República, o desembargador catarinense ― que chegou ao TRF-4 aos 38 anos, é considerado muito reservado e rigoroso ― já disputou vaga para a Corte, mas não teve voto nenhum, e sabe que é preciso um acordo tácito com seus colegas de tribunal para concorrer novamente.
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
LUPITALaísMariaDulceVinicius e mais 4 compartilharam!
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernando Atualizou o status
Compartilhado
R. compartilhou!
O "INSULTO" DE NATAL DE MICHEL TEMER

A presidente do STF suspendeu ontem, 28, trechos do decreto de indulto de Natal assinado por Michel Temer que permitiram a concessão do benefício a presos não reincidentes que tenham cumprido apenas 1/5 da pena em crimes sem violência, o que inclui práticas como corrupção e lavagem de dinheiro. Até o ano passado, era preciso que o detento tivesse ficado na prisão ao menos 1/4 do tempo estabelecido na sentença.

A decisão foi concedida liminarmente (em caráter provisório) por Cármen Lúcia, que funciona como plantonista na Corte durante o recesso do Judiciário, mas o caso precisará ser submetido ao relator da ação, ministro Luis Roberto Barroso, e ser votado pelo plenário. Cármen deu cinco dias de prazo para Temer se manifestar sobre o pedido, que segundo a Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, coloca em risco a Operação Lava Jato, "materializa o comportamento de que o crime compensa" e será "causa única e precípua de impunidade de crimes graves" ? além de ferir a constituição ao prever a possibilidade de livrar o acusado de penas patrimoniais e não apenas das relativas à prisão, bem como permitir a paralisação de processos e recursos em andamento.

Cármen Lúcia diz na decisão que "os argumentos expendidos na petição inicial (…) impõem a suspensão dos efeitos" dos pontos questionados pela PGR. Para a ministra, "novo exame desta medida cautelar pelo órgão competente deste Supremo Tribunal (…) não traria dificuldade à continuidade da produção dos efeitos da norma impugnada, se vier a ser esta a conclusão judicial, sendo certo que a suspensão dos efeitos do indulto nas situações previstas nos dispositivos questionados não importará em dano irreparável aos indivíduos por ele beneficiados, pois em cumprimento de pena advinda de regular processo judicial condenatório".

Para ler a íntegra da decisão de Cármen Lúcia, siga o link https://abrilveja.files.wordpress.com/2017/12/decisc3a3o-cc3a1rmen-lc3bacia.pdf
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado
Fernando Atualizou o status
Compartilhado
ViniciusMarceloLaísR.Fernando e mais 1 compartilhou!
LULA CONDENADO A PAGAR CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS DO ADVOGADO DE DALLAGNOL ― MAIS UM TIRO NO PÉ DOS RÁBULAS DO PETRALHA.

Em dezembro de 2016, Lula, a defesa de Lula protocolou na Justiça uma ação de reparação por danos morais no valor de R$ 1 milhão contra o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da Força-Tarefa da Lava Jato.

Segundo os rábulas, a honra e a imagem do petralha teriam sido “atacadas” durante a coletiva de imprensa convocada pelo MPF, em setembro daquele ano, para, mediante uma prosaica apresentação em Power Point, mostrar aos míopes, petistas e outros deficientes visuais o papel da “alma viva mais honesta da galáxia” na ORCRIM.

O tiro saiu pela culatra, para variar: ação foi julgada improcedente ― afinal, o Power Point estava certo ― e Lula é que foi condenado a pagar as custas processuais e a arcar com os honorários advocatícios do defensor de Dallagnol (10% do valor da causa, ou seja, R$ 100 mil).

Não há como desonrar alguém que há muito não tem honra ― e se algum dia realmente chegou a tê-la.
Aliás, li em algum lugar que o empresariado “aderiu em peso a Lula”. Que bom. Assim vai todo mundo “em bloco” para a cadeia. Pelo visto, faltarão acomodações para esse povo todo. A não ser, naturalmente, que Gilmar Mendes e distinta companhia continuem na cruzada laxante, que vêm protagonizando há algum tempo, a pretexto de não-sei-bem-o-quê.

A propósito, não deixe de conferir aqui o mais recente bate-boca entre ministro-deus e seu colega Luis Roberto Barroso (copie e cole https://g1.globo.com/politica/noticia/gilmar-aponta-servico-mal-feito-na-lava-jato-barroso-nega-investigacao-irresponsavel.ghtml no campo de endereços do seu navegador).
Fernandopublicou no caderno da comunidade
Compartilhado

Mais atualizações

1 2 3 4 Próxima »
Aplicativos instalados